"Amo como ama o amor, não vejo outra razão para amar, se não o amor. "
Rayana, 18 anos, carioca, ariana e flamenguista.

Eu f iz
um
verso b a gu n ça d o
só pra vo cê ve r
o que
fa z co m igo.

Poeticências   (via iliterata)

Apaga a luz
do quarto
e deixa eu
acender você.

Poeticências  (via iliterata)

Não vou mentir, penso muito em nós.

Chorão.    (via deteriorada)

Então, lá vamos nós, mais uma vez, seja o que for. Mas que pelo menos seja, dessa vez.

Gabito Nunes     (via frasesmalfeitas)